A tribo indígena Awa vive na Floresta Amazônica no estado brasileiro do Maranhão, dividida em quatro aldeias: Awa, Tiracambú, Juriti e Guajá. Um total de 400 pessoas vivendo o mais próximo possível da pureza de suas origens. Os dias de caça são longos, mas não poupam ninguém: hoje, crianças e mulheres também lideram a expedição pela floresta densa. Aqui não há idade certa (a última dessas famílias foi descoberta há menos de dez anos), apenas a sobrevivência do dia-a-dia.

A ajuda das instituições responsáveis pela sua preservação leva à comunidade algumas palavras em português, roupas urbanas e utensílios raros para facilitar o dia a dia. Mas o objetivo é ser um braço a mais na luta contra a crescente invasão de madeireiros em busca do mais precioso da floresta amazônica, as árvores que lhe dão o sobrenome: O Pulmão da Terra.